ALEGRIA: nossa marca • AMAR A DEUS: nossa vida • A GLÓRIA DE DEUS: nossa missão

Av. Rio Do Ouro s/n • (próximo a Delegacia de Rio do Ouro/75DP) • Niteroi, CEP 24330-250, Rio de Janeiro-RJ
Tel. 26178058 • email: ipro.presbiteriana@gmail.com

domingo, 29 de maio de 2011

Fotos da Cerimônia de Lançamento da Pedra Fundamental

Vistas panorânicas do Novo Templo

As crianças da UCP participando da Cerimônia

Homenagem aos ex-pastores da IPRO, Rafael Ribeiro e Davi Macêdo

Batismo de Crianças

Pedra Fundamental







domingo, 22 de maio de 2011



Venha participar deste acontecimento histórico da nossa igreja.

Cerimônia de lançamento da Pedra Fundamental do nosso Novo Templo


Domingo, dia 29 de maio de 2011

Às 9h - Culto da Manhã

IPRO 64 ANOS

PROGRAMAÇÃO ESPECIAL DE ANIVERSÁRIO - mês de maio

Dia 1º: Culto de Abertura
De 1 a 31: Desejando Deus - Oração e Jejum
Todas as terça feiras do mês de maio: Grupos Familiares

Pregadores confirmados
Dia 15: Sem. Carlos Magno
Dia 22: Rev. Alanir Moraes (Igreja Metodista de Rio do Ouro)
Dia 29: Rev. Carlos Henrique (Igreja Presbiteriana de Porto Novo)
Participação especial: Grupo Doulos
Dia 31: Rev. Uendel Pimentel (Igreja Presbiteriana de Neves)

terça-feira, 17 de maio de 2011

Grupos Familiares - Reunião nos lares


Já inciamos nossas reuniões nos lares, todas as terças-feiras do mês maio, mês de aniversário da nossa igreja. Muitos irmãos tem contado as bênçãos que Deus tem derramado nessas reuniões. Aqui temos um pequeno registro de algumas das nossas pequenas igrejas nos lares. São mais de 15 grupos familiares se reunindo durante este mês. Procure um grupo mais próximo da sua casa e venha louvar de Deus conosco.

Igreja na casa de Anderson e Michele

Igreja na casa de Beto e Vasti

Igreja na casa de Alédio e Antônia

Igreja na casa de Henrique e Cristiane

Igreja na casa de Manoel e Nívea

Igreja na casa de Aloísio e Mônica Salvador

“…à igreja que se reúne com você em sua casa”
(Filemon 1:1-2)

domingo, 15 de maio de 2011

A História de Vitor Usen




Esta é a história do menino Vitor Usenque vive na Nigéria.

Quando ele tinha 13 anos de idade, viveu uma triste experiência. Foi sequestrado por fundamentalistas muçulmanos que tentaram convertê-lo à força ao Islamismo. Ao contrário do que costuma acontecer a muitas crianças que são sequestradas naquela região, Vitor conseguiu escapar do cativeiro em que ficou preso por quatro meses.

Já imaginou você ficar preso e longe de sua família porque ama Jesus?E se os sequestradores quiserem que você não creia mais em Jesus e obedeça a outros deuses? E se obrigarem você a seguir outra religião?

Isso aconteceu com Vitor, mas graças a Deus ele conseguiu escapar. Para protegê-lo, sua família o mandou para outra cidade. Lá, ele passou a frequentar a escola dominical. Os pais de Vitor não se cansaram de agradecer a Deus e a todos os cristãos que oraram pela libertação do seu filho.

Vamos agradecer a Deus por esse livramento na vida de Vitor? Vamos também pedir ao Senhor que livre muitas crianças de serem sequestradas para que possam viver livres e firmes na sua fé em Cristo Jesus, como nós aqui no Brasil.

Louvado seja o nome de Jesus.

Transcrito da Revista Portas Abertas.

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Grupos Familiares - Reunião nos lares


Já inciamos nossas reuniões nos lares nas terças-feiras no mês de aniversário da nossa igreja (maio). Muitos irmãos já tem contato as bênçãos que Deus tem derramado nessas reuniões. Aqui temos um pequeno registro de algumas das nossas pequenas igrejas nos lares. São mais de 15 grupos familiares se reunindo durante este mês. Procure um grupo mais próximo da sua casa e venha louvar de Deus conosco.


Igreja na casa de Beto e Vasti

Igreja na casa de Alédio e Antônia

Igreja na casa de Henrique e Cristiane

Igreja na casa de Manoel e Nívea

Igreja na casa de Aloísio e Mônica Salvador

“…à igreja que se reúne com você em sua casa”
(Filemon 1:1-2)

terça-feira, 3 de maio de 2011

O dever de orar antes


“Então o rei me disse: Que me pedes agora? Então orei ao Deus dos céus”. (Neemias 2.4)

O primeiro impulso de Neemias após a pergunta do Rei foi orar. E por que ele orou?

1º Na situação de emergência o primeiro impulso do crente é orar.
Ele orou estando em pé diante do rei, do íntimo do seu coração. Note "...Então, orei ao Deus dos céus..." 2.4

2º Na situação de emergência não há tempo para longas orações.
A curta oração de Neemias chegou ao trono de Deus, apesar de curta a oração certamente foi reflexo de quatro meses de oração e jejum, conforme Ne 1:v.1 e 2:v.1.

3º Na situação de emergência não te cales.
Apesar de copeiro, Neemias, antes de falar com o rei ora a Deus e muito provavélmente repete o que orou no final do c.1 v.11 "...faze prosperar hoje o teu servo e dá-lhe graça perante este homem...".
O hábito cotidiano de orar abre cami nho para um rio imenso da graça, ajuda e sabedoria de Deus, na vida do crente.
Neemias invocou de forma expontânea a Deus; demonstrando de forma inequívoca que o esquecimento da nossa dependência de Deus e da necessidade da sua presença conosco cotidianamente, limitará a maravilhosa operação do Espírito Santo em nossa vida.
Neemias é um exemplo de homem que tomou conhecimento e agiu, monstrando para nós que conhecimento sem ação nos torna mais culpado.
Que o Espírito de Deus nos impulsione a orar assim como Neemias orou: " Ah! Senhor, estejam, pois, atentos os teus ouvidos à oração do teu servo e à oração dos teus servos que desejam temer o teu nome..."

Pb. Gilberto