ALEGRIA: nossa marca • AMAR A DEUS: nossa vida • A GLÓRIA DE DEUS: nossa missão

Av. Rio Do Ouro s/n • (próximo a Delegacia de Rio do Ouro/75DP) • Niteroi, CEP 24330-250, Rio de Janeiro-RJ
Tel. 26178058 • email: ipro.presbiteriana@gmail.com

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Fogo no altar sempre




Era dever do sacerdote manter o altar do holocausto sempre pronto para receber as ofertas à Deus. Entre outras coisas, ele tinha que limpar as cinzas e não permitir que o fogo apagasse em hipótese alguma.

O que aos nossos olhos parece ser simples manutenção, na verdade tinha todo um significado. O fogo no altar era sinal da presença de Deus. Sem fogo no altar a oferta de sacrifício não tinha razão de ser.

E para nós hoje, quais os significados do fogo e do altar? No altar de nossos corações tem que arder a presença de Deus. Um altar despreparado, apagado, é um coração indiferente a Deus. Não podemos permitir que as cinzas de nossas lamentações torne o nosso culto desprovido de vida.

Devemos direcionar nosso culto a Deus como uma oferta de louvor. De outro modo será apenas um encontro social aquilo que fazemos na igreja, e não adoração. Por isso é necessário que o nosso altar (coração) esteja sempre limpo, e com fogo (presença de Deus) sempre pronto à receber nosso sacrifício de louvor (adoração).

Do seu pastor, ainda em férias, mas que continua orando por você…

Rev. Jonas

Nenhum comentário:

Postar um comentário