ALEGRIA: nossa marca • AMAR A DEUS: nossa vida • A GLÓRIA DE DEUS: nossa missão

Av. Rio Do Ouro s/n • (próximo a Delegacia de Rio do Ouro/75DP) • Niteroi, CEP 24330-250, Rio de Janeiro-RJ
Tel. 26178058 • email: ipro.presbiteriana@gmail.com

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Tesouros na terra (Mt 6:19)


O que Jesus quis dizer com “Não acumulem para vocês tesouros na terra”? Tesouro inclui dinheiro, mas não o dinheiro somente. Todos nós temos tesouros de uma espécie ou outra. Pode ser marido, mulher ou filhos. Pode ser sua residência. Pode ser um dom. Pode ser amor à honra pessoal, à posição social, o amor aos cargos obtidos. Não importa o que ou o quão pequeno seja, se representa tudo para você, então, aquilo é seu tesouro, aquela é a coisa para a qual você está vivendo. Sendo assim, significa que pessoas pobres prescisam dessa exortação tanto quanto os ricos, pois o que está compreendido aqui é um tipo de amor indevido. Podemos então dizer que “Tesouros na terra” é amor a qualquer coisa que comece e termine aqui mesmo, nesta vida e neste mundo.

Uma das ciladas de Satanás é fazer-nos viver conforme a mentalidade desse mundo. De forma sutil ele vai infiltrando no crente o pensamento mundano. Seu objetivo é arruinar a vida espiritual do servo de Deus. Satanás sabe que o crescimento espiritual do crente está ligado intimamente com o valor que ele dá as coisas do alto. Quanto mais valor as coisas desse mundo, menos valor à Deus. Aqui está envolvida uma luta de fé. Se não estivermos revestidos da armadura de Deus (Ef 6) seremos derrotados.

(Texto adaptado dos Estudos no Sermão do Monte de Martyn Lloyd-Jones)

Nenhum comentário:

Postar um comentário